20161220-gd_20160118160733tve_fmcultura_6-600x400A direção da Fundação Piratini decidiu fechar as portas da TVE e da FM Cultura até segunda ordem. As emissoras estão apenas retransmitindo conteúdo e nenhum funcionário, nem servidores nem cargos de confiança, têm acesso ao prédio. A fundação está ameaçada de extinção pelo PL 246, uma das medidas do pacote de ajuste fiscal do governo Sartori que começou a ser votado ontem na Assembleia Legislativa.

Alexandre Leboutte, uma das lideranças do movimento de servidores da fundação, confirma a informação, apesar de não ter recebido nenhuma comunicação formal sobre a decisão. “Ontem, estive lá à noite, por volta das 23h. Falei com seguranças e eles disseram que a orientação é não deixar ninguém entrar”, afirma.

A maioria dos servidores concursados, porém, está em greve contra o projeto que extingue a Fundação Piratini. Uma reunião está marcada para segunda-feira, 2 de janeiro.

A TVE está retransmitindo a programação da TV Cultura e da TV Brasil, enquanto a FM Cultura está tocando apenas playlists de música pré-programadas.

Me siga no Twitter: @sigaberaldo
Me siga no Instagram: @beraldo27
Curta a página do Portal 4 no Facebook, clique aqui
Colabore para o Portal 4 continuar com as suas atividades, saiba mais, clique aqui
 

2 COMMENTS

  1. Perai eles irão extinguir o canal? Não irão vender para nenhum empresário? Nossa coitado dos funcionários, a emissora produs bastante conteúdo local e a crise aqui no RS está horrível…

  2. Ineptos, burros, desculpe equinos não quis ofende-los, roubam, conspiram, utilizam a maquina do governo para negociatas pessoais, saqueiam o erário público, genocidas endossados pelo voto popular, salve-se quem puder e pulem dessa barca a deriva chamada Brasil.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here